Vox Patriae

Dezembro 02 2009

 

Portugal esteve, neste dia da restauração, de facto, na linha da frente da política europeia e internacional.

 

Em Lisboa foi assinada a Declaração de Lisboa, da Cimeira Ibero-Americana, realizada no Estoril. Os vários pontos da declaração, que realça a inovação, são interessantes pontos de partida. Esperemos que os Estados consigam honrar o compromisso assumido.

 

Mas mais importante... Entrou em vigor do Tratado de Lisboa. Na nossa capital reuniram-se as mais altas figuras da União.

Agora, com o impasse político-institucional resolvido, os esforços só podem estar direccionados para uma luta contra a crise, que se assume como desafio de uma geração.

O combate ao flagelo do desemprego, o fomento a uma economia que precisa de crescer, o apoio às PME´s como motor de desenvolvimento, o combate às alterações climáticas através de uma política energética sustentável, a afirmação da União como actor principal no jogo da política internacional, a construção de um espaço identitário mais comum e que diga mais aos cidadãos... Tantos e tão importantes desafios que se apresentam!

 

A hora já deixou de ser de negociações e jogos políticos. Agora, há que pôr mãos à obra e construir uma Europa Unida: uma verdadeira União Europeia!

publicado por André S. Machado às 00:07

Um blog de André S. Machado
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11

13
14
15
18

20
23
25
26

27
28


Ligações
Pesquisa
 
subscrever feeds
blogs SAPO