Vox Patriae

Junho 20 2010
Há limites para tudo! Há dias escrevia que, em Portugal, a Constituição é sistemáticamente desrespeitada pelos que governam, em incompreensível desrespeito pelo momento jurídico mais solene e elevado da Nação.
Hoje, no funeral de Saramago, ouvia um popular dizer do Presidente da República que este é "um porco e um nojento", por não estar presente nas cerimónias fúnebres do escritor. De resto, uma polémica estéril, que serve só para crítica fácil ao Presidente da República enquanto as presidenciais se aproximam.
 
Há que haver um mínimo de respeito pelas pessoas e pelas instituições. Podemos gostar ou não gostar, apoiar ou não apoiar, simpatizar ou detestar: O que não pode acontecer é este excesso de linguagem e, muitas vezes, atitude, face ao mais alto representante da Nação. Um país que se quer fazer respeitar pelos outros tem de começar por se respeitar a si mesmo.
publicado por André S. Machado às 20:10

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Um blog de André S. Machado
Junho 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9

13
14
15
16
17
19

21
22
23
26

27
29


Ligações
Pesquisa
 
subscrever feeds
blogs SAPO