Vox Patriae

Agosto 29 2009

Confirma-se! Portugal recebeu dois cidadãos sírios, detidos em Guantanamo. Mais: Portugal concedeu-lhes um visto que lhes confere total liberdade de movimentos e de comunicações!

 

Portugal, enquanto país ocidental e aliado, está sob ameaça terrorista quotidiana, é um facto. Receber, de braços abertos, estes sujeitos, é, no mínimo, insustentável. Para mais, são os nossos impostos que estão a sustentar estes indivíduos.

 

Repito o que escrevi há tempos: Pobre país, o nosso, governado por gente subserviente e, cada vez mais compreendo, incompetente!

publicado por André S. Machado às 03:33

Boa tarde André Machado. É com muita pena que leio este seu comentário. Sinceramente, acha que Portugal, ou qualquer outro estado europeu, se arriscaria a receber no seu país terroristas (que me parece ser esse o nome que pretende chamar a estes dois indivíduos)? Informe-se antes, por favor. Estou cansada de ler barbaridades sobre este assunto. A isto chamo duas coisas: preconceito e mediocridade. Estes dois detidos, tal como muitos outros, foram libertados por se concluir que não existem motivos alguns para os manter presos. Não existem provas, nem factos contra eles. São inocentes. Outra coisa, eles estão a ser acolhidos em países que não os seus por segurança. Já que podem não ser bem recebidos nos seus países de origem. Não tema pela sua segurança André, são apenas duas pessoas que pretendem ultrapassar aquilo que pode ter sido a pior etapa das suas vidas. Pretendem apenas voltar a ter vida. Não se preocupe que certamente serão acompanhados de perto. Acho que muita gente ainda não percebeu que nem todos os detidos de Guantanamo são terroristas! Espero, sinceramente, que leia um pouco mais sobre Guantanamo e sobre os processos de transferência dos detidos. E espero que a sua opinião mude. ;)
Cristina a 30 de Agosto de 2009 às 14:31

Um blog de André S. Machado
Agosto 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
13
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26



Ligações
Pesquisa
 
blogs SAPO